A Gameleira Branca de Irôko, o Tempo

À frente da Casa de Umbanda, há uma gameleira branca que leva o axé de todos nesse terreiro, nela está envolto o alá honrando Irôko, O Tempo imemorável.

gameleiraA gameleira Branca de Irôko

“O Tempo dá, o Tempo tira, o Tempo passa e a folha vira!” – Esse ditado africano mostra o poder deste orixá nos destinos de tudo o que está vivo, mostra sua implacável influência na natureza ao nosso redor, assim como em nós mesmos!

Homenageado em 04 de outubro, dia de São Francisco de Assis com quem é feito sincretismo pela igreja católica.

Irôko, o Tempo Místico

Irôko , o Tempo é uma árvore mítica, primordial, que existe desde de o início dos tempos, ao tempo sobrevive e a tudo neste mundo assiste.iroko

Na copa dessa gameleira branca vivem as Yamis Osorongá, as feiticeiras da floresta e através dessa árvore todos os orixás desceram a terra.

Irôko, o Tempo é o “orixá do grande pano branco que envolve o mundo“, em alusão feita às nuvens do céu.

Irôko, o Tempo representa os ciclos da natureza ao longo de toda a eternidade, é o orixá que concede aos seres humanos somente aquilo que é de merecimento.

O cumprimento do carma de cada um de nós, determinando o início e o fim de tudo está nas mãos de Irôko, o Tempo.

Invocado principalmente nas questões de difícil solução, como a iminência de morte de alguém, por exemplo.

Ele rege as obrigações de santo e ordena o mundo com precisão. Seu culto está intimamente ligado ao culto de Ossaim, o protetor e mestre no uso dos poderes das folhas.

A saudação é “Iroko Y Só!” e raras são suas incorporações nos terreiros, assim como são raros seus filhos de santo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s